quinta-feira, 11 de junho de 2009

Prosa em Poesia III: A Porta

By James Ribeiro


Uma porta

Uma passagem

Não conheço

Desconheço

Invado, melado

A porta

Acesso

Vento

Gente

Um dia viajando pelo interior, vários interiores, vi pessoas sentadas à porta, vi que conversavam. Eu viajava, eu via, eu velejava ao vento vendo as con-versas versos vieram a mim. Vejo-me. Vinho. Vida minha.

Nenhum comentário: